A ANVISA proibiu o Bisfenol A: você conhece os perigos que ele representa à saúde?

Tempo de leitura: 3 minutos

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

IMGS3

Você já deve ter ouvido falar sobre o Bisfenol A, ou, BPA. Mas, você sabe, exatamente, o que é esse composto químico, por que a ANVISA proibiu sua utilização, onde ele está no seu dia a dia e quais são os malefícios que ele pode causar para a sua saúde e de sua família?  

O Bisfenol A é um composto químico que não existe na natureza. Na natureza a matéria orgânica é separada da matéria inorgânica. Através de reações química se liga o gás cloro (inorgânico) a átomos de carbono (matéria orgânica) e se formam os temíveis organoclorados.  Os organoclorados mimetizam hormônios e prejudicam o funcionamento do seu metabolismo. Também estão associados a diversas doenças, como obesidade, diabetes e até mesmo vários tipos de câncer, incluindo o câncer de mama.  O bisfenol A é muito usado em produtos como mamadeiras, potes, lentes de óculos, e, principalmente, garrafas plásticas e enlatados. E aí está o grande problema. Há pesquisas que evidenciam que quando esquentado ou congelado, o Bisfenol-A reage com o alimento, indo direto para o seu organismo ao ser consumir o produto que estava dentro da embalagem.

Atualmente, o BPA é um dos produtos químicos mais estudados mundialmente, pois, há muitas evidências de que esse produto causa inúmeros malefícios à saúde, visto que ele é utilizado na fabricação de produtos de fácil acesso e extremamente comuns ao cotidiano.

Desde janeiro de 2012, no Brasil, por precaução, é proibido a importação ou fabricação de mamadeiras que contenham Bisfenol A, devido à algumas evidências de que esse composto químico, a médio e longo prazo,  poderia causar desequilíbrio hormonal, câncer de mama ou próstata, problemas neurológicos, alterações na tireoide e infertilidade. Além disso, o ingestão de uma gestante transmite diretamente o bisfenol A para o feto.

IMGS1

Porém, ainda existem produtos com BPA. Ou seja, é fácil encontrar produtos de plástico e enlatados com Bisfenol A em suas composições. Ficar atento às embalagens é uma dica para quem deseja consumir produtos sem o BPA. Quando houver nos produtos o símbolo de reciclagem com os números 3 ou 7 dentro, é sinal de que aquela embalagem contém o Bisfenol A.

Muitas pessoas guardam seus alimentos em embalagens plásticas, congelam este alimento nestas embalagens ou as esquentam em microondas. É importante se certificar que estas embalagens não contenham BPA. De mais importância ainda é o consumo de água em garrafas plásticas. É importante se certificar que a embalagem seja livre de BPA e de plastificantes como ftalatos e adapatos, que são igualmente nocivos à sua saúde e são encontradas em garrafas PET.

Portanto, prefira as embalagens de vidro, para acondicionar e esquentar alimentos e também para consumir a sua água. Para quem que se preocupa ainda mais com a saúde prefira alimentos naturais aos industrializados (contém conservantes e aromatizantes) e prefira tomar água alcalina, rica em minerais. Estas simples medidas darão a você muito do que você precisa para garantir uma vida mais saudável.

Você deseja adquirir água alcalina ionizada?

Então saiba que já é uma tendência mundial sempre priorizar a saúde de forma prática. A Acqualive possibilita que você realize o tratamento da água na sua própria residência, possuindo, assim, um estilo de vida mais saudável. Pensando em oferecer vitalidade, a Acqualive Group desenvolveu uma linha de produtos capaz de transformar a água da torneira na água ideal para a saúde, ou seja, água alcalina, antioxidante, pura, magnesiana e hidratante.

Comece a Beber Água Alcalina

Insira o seu endereço de email abaixo para começar a beber Água Alcalina Ionizada!>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>